JULIANA E DOM JORGE

Versão 01 - SP

 

1-O que tens, Juliana

Que estás tão triste a chorar?

-Mamãezinha, não é nada

D. Jorge vai se casar

 

2-Eu bem disse, minha filha

Que largasse de amar,

Que D. Jorge tem o costume

Das mocinhas enganar.

 

3-Lá vem vindo o seu D.Jorge

Montado no seu burrinho,

Vem trazendo cinta preta

Pra pertá no seu corpinho.

 

4-O bom dia, seu D.Jorge

Subi que ia se casar?

-É verdade, minha prima,

Eu vim lhe desenganar.

 

5-Espera um pouco seu D.Jorge,

Vou subir no meu sobrado,

Vou buscar um cálice de vinho

Para ti tenho guardado.

 

6-Não sei que tenho, Sá Juliana,

Estou com a vista escura,

Não enxergo meu lazão,

Não enxergo meu lazão.

 

7-O que tem minha filha?

Que o sino tá a bater?

-Fui eu que matei D.Jorge

Não sei como hei de fazer.